Radar Negro

Último dia para estudantes se inscreverem no programa de estágio Helaine Martins

Estudantes de todo o Brasil cursando jornalismo a partir do sexto semestre podem se candidatar até esta sexta-feira, 20, para o programa de estágio Bolsa Helaine Martins. A principal atividade será alimentar a plataforma Entreviste um negro e a iniciativa tem como objetivo honrar a memória da jornalista falecida há pouco mais de um mês, inspirando jovens profissionais de comunicação negras. Portanto, é exclusivo para mulheres negras.

A editora Mol, responsável pela seletiva, oferece um contrato de seis meses podendo ser renovado por até duas vezes, uma bolsa-auxílio no valor de R$ 2.000, o período de trabalho e de 30 horas semanais em horários flexíveis a combinar com a editora, que também disponibiliza estrutura para trabalhar de casa (home office).

A plataforma Entreviste um negro é um banco de fontes jornalísticas de profissionais negros de todas as áreas de conhecimento, pensado para dar mais visibilidade para especialistas negros na mídia.

Para participar, as candidatas devem enviar para o e-mail ([email protected]) seu currículo mais um texto de até 1.000 toques, contando quem é e dando duas ideias que tenha para um jornalismo antirracista.

É esperado que a candidata possua as seguintes habilidades: ter ótimo texto, boa comunicação, gostar de conversar com pessoas, saber abordar pessoas, ser organizado, ter um bom faro de detetive, ser um ávido leitor das notícias e ter consciência social.

Quem foi Helaine?

Helaine Martins (1980-2021) foi jornalista, empreendedora social e ativista antirracista. A bolsa que leva seu nome é uma homenagem da editora Mol, onde ela trabalhou por dez anos buscando deixar o legado de um jornalismo mais plural, inclusivo e transformador. Helaine foi editora do Expresso Na Perifa, projeto do Estadão em parceria com a 99, esteve à frente da Agência Mandê, que promoveu ações educacionais por uma comunicação antirracista. Ela ainda a criadora do projeto Entreviste um negro, lançado em 2015.

Confira detalhes

Programa de estágio Bolsa Helaine Martins
Inscrições até: sexta-feira, 20
Bolsa-auxílio: R$ 2.000
Carga horária: 30 horas semanais
Enviar e-mail para: [email protected]
Exclusivo para estudantes de jornalismo negras

Foto de capa: Reprodução/Instagram @entrevisteumnegro.

LEIA TAMBÉM: Corretora de valores lança curso com 120 vagas para pessoas pretas e pardas

Ouça o episódio #18 – Pretas nordestinas: Pesquisa Científica:

Apoie a mídia negra nordestina: Financie o Negrê aqui!

Compartilhe: